Inicie Plataforma transformou o processo educacional da Rede Salvatoriana, que conquistou destaque nas cidades onde atua

As Irmãs Salvatorianas foram visionárias ao implantarem a Inicie Plataforma na instituição, solução que veio para ficar e agregar valor ao processo educacional. O uso foi um sucesso e trouxe o reconhecimento merecido. Confira como se deu toda essa transformação, com depoimentos que trazem histórias de alunos que se adaptaram facilmente ao uso da tecnologia e que contam como o aprendizado foi enriquecedor, bem como de profissionais qualificados, que trouxeram confiança para as famílias.

Rede Salvatoriana | História

A educação salvatoriana está presente no Brasil desde 1936, com a missão de desenvolver nos estudantes a aprendizagem em suas diferentes dimensões: “aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a conviver, aprender a ser e aprender a crer”. Foram construídos, em ordem cronológica, o Colégio Salvatoriano Imaculada Conceição, em Videira/SC; o Colégio Salvatoriano Bom Conselho, em Passo Fundo/RS; o Colégio Salvatoriano Nossa Senhora de Fátima e o Colégio Salvatoriano Padre Jordan, ambos em Florianópolis/SC.

 

Desafio

Com objetivos muito claros, as Irmãs Salvatorianas têm na Educação o propósito de desenvolver habilidades e competências em seus estudantes, a fim de capacitá-los para o pleno exercício de sua cidadania.

Em janeiro de 2020, já com o intuito de iniciar o processo de transformação digital nos colégios da Rede e conscientes de sua responsabilidade, as Irmãs buscaram soluções completas para dar continuidade ao processo de ensino-aprendizagem. O desafio era trazer a tecnologia em benefício de seus estudantes, professores e equipe administrativa.

Após análise, decidiu-se adotar as ferramentas Google Workspace for Education com o apoio da Inicie Educação, empresa referência na América Latina em desenvolvimento e implementação de
tecnologias educacionais.

Logo na sequência, com a chegada da pandemia da COVID-19, o projeto digital foi potencializado ainda mais com a Inicie Plataforma, que trouxe um ambiente de aprendizagem virtual personalizado para os estudantes da Rede Salvatoriana. Com a transição para o formato de aulas on-line, a participação dos pais e dos educadores, sempre essencial para reconhecer e desenvolver o potencial dos estudantes, foi decisiva para trazer as melhores experiências, sem haver perda na qualidade.

” Todos sabem que a Educação, em todos os níveis, é baseada em contato físico – contudo, na Educação Infantil, tal ato faz-se necessário para o fortalecimento de vínculos. Com o uso da plataforma digital, propiciou-se, mesmo de longe, que houvesse interação entre alunos e professores. Nela, os educadores planejam atividades lúdicas, criativas e interativas, tornando o contato virtual numa forma de se ligar aos seus pequenos e fazendo o aprendizado ser bem mais próximo e contagiante.”
Aline Huppes, professora da Educação Infantil, nível V do CSBC

 

Solução

O investimento em tecnologia foi feito com comprometimento e a certeza de trazer a melhor solução aos usuários desse novo formato, inicialmente 100% remoto.

A escolha por um ambiente virtual de aprendizagem (LMS) intuitivo e simplificado para as transmissões de ao vivo e gravadas, com formato responsivo para que os estudantes pudessem acessá-lo por diversos dispositivos eletrônicos (desktop, notebook, tablet ou celular), trouxe um universo de oportunidades ao processo educacional salvatoriano.

Nele, as turmas são separadas por matérias, e cada professor tem seu próprio ambiente, em que pode dar conferências e disponibilizar conteúdos. Fora isso, há grande possibilidade de personalização, a exemplo da opção de criar diferentes perfis de usuário (Professor, Coordenador, Administrador etc.).

Para a divulgação, foi realizada uma campanha associada ao uso de tecnologias educacionais, em que se destacou a parceria com a Inicie Plataforma, denominada Rede Salvatoriana EAD, totalmente integrada com as ferramentas Google, o que potencializou a adesão de alunos e professores. Atualmente, há 4.319 usuários cadastrados, sendo 3.000 deles alunos.

Paralelamente, a Rede investiu em tutoriais detalhados e, assim, todos puderam ter a melhor
experiência possível no dia a dia dentro da Plataforma – só no ano de 2021, foram 26.021 aulas no Meet, 6.466 vídeos disponibilizados, 11.183 provas realizadas e mais de 15.000 documentos publicados.

A Plataforma não só promoveu a qualidade do ensino e a integração da aprendizagem, como também fortaleceu o apoio à gestão, com números expressivos no uso das funcionalidades. Como
exemplo, a Rede Salvatoriana complementou as tecnologias já usadas na Plataforma Inicie aderindo à geração de relatórios semanais, que combateram uma dor antiga ao promover um cenário completo para o controle de presença nas aulas e interação dos estudantes.

Tudo isso resultou em reconhecimento por parte dos pais, refletindo diretamente na retenção (apesar da suspensão das aulas presenciais) e no aumento de alunos matriculados, que chegou a 3.249 em setembro de 2021.

As relações presenciais dão espaço à escuta e ao acolhimento, agora também virtuais, para o
entendimento de que todos estamos na mesma caminhada e no mesmo desafio. A Inicie Plataforma foi uma escolha acertada, uma realidade possível e viável na Educação Básica e confirmada por muitos depoimentos.

“Através da Plataforma, quando surge alguma dúvida, consigo perguntar ao meu professor, que me esclarece a fim de que possa dar continuidade ao processo. Estamos tendo monitorias que reforçam ainda mais nosso aprendizado, além de atividades e avaliações que conseguimos fazer diretamente ou enviar aos professores, e isso tudo nos tem favorecido. Como em qualquer mudança, no começo houve desafios, mas com o tempo me adaptei e acredito que todos os meus colegas também. Afinal, sempre estivemos conectados à internet e agora a estamos usando em nosso favor. Particularmente, estou com muita saudade de poder encontrar meus amigos e professores, mas estamos respeitando esse isolamento social para podermos nos rever, todos bem e no tempo certo.” Larissa Badotti de Almeida, estudante do Ensino Médio do CSNSF

“Acredito que depois do susto de ter que fazer uma transição rápida para um ambiente até então desconhecido, foi o que serviu para mostrar a capacidade de adaptação e modificabilidade do verdadeiro educador salvatoriano. A possibilidade de trabalhar em salas de aula virtuais nos proporciona ter todo o material da internet disponível imediatamente em nossas mãos, agregando, assim, fundamentos e informações às nossas aulas. Isso também permite que os alunos compartilhem pesquisas e conhecimentos.” Silvia Bortolozzo Samistraro, educadora do EFII e EM do CSIC

“Essa nova experiência de estudo a distância está sendo muito importante e proveitosa. Estamos recebendo todo o apoio dos professores para que, mesmo estando em casa, possamos aprender os conteúdos e seguir a rotina escolar. Através da plataforma Rede Salvatoriana EAD, acessamos às videoaulas, realizamos atividades, provas e trabalhos e interagimos com a turma, como nas aulas presenciais. Embora eu sinta falta do ambiente escolar, estou muito feliz em poder continuar meus estudos em segurança.” Marina Francischini Comunello, estudante do 7º ano do CSIC

 

Benefícios

A passagem da sala de aula física para a sala de aula on-line fez com que família e sociedade lançassem um novo olhar sobre o profissional da Educação – um olhar de crescente reconhecimento de sua importância e valor. No caso da Rede Salvatoriana, esse processo foi potencializado com a utilização da Rede Salvatoriana EAD. Prova disso é o exemplo de uma família que se mudou para outro país e, apesar disso, manteve os filhos matriculados na Escola da Rede Salvatoriana, com todo o ensino de qualidade.

Um dos fatores decisivos para esse resultado foi, sem dúvida, a experiência de utilização da Plataforma, que obteve um alto grau de satisfação. No gráfico a seguir, se considerarmos as respostas que apontam os conceitos “ótima” e “boa”, atingimos mais de 80% dos usuários com uma experiência positiva. Outro ponto muito bem-avaliado foi a usabilidade dos recursos da plataforma, com 90% de aprovação.

Aqueles que mediavam as aulas apenas no sistema presencial, agora on-line, estão descobrindo um novo mundo – de flexibilizações, de maiores desafios e exigências, de novos aprendizados, de habilidades e competências ocultas em si mesmos. Estão felizes pelo crescimento pessoal e profissional, pela proximidade virtual com as famílias e pelos avanços que educadores e estudantes demonstram no decorrer do processo educativo à distância.

Em resumo, a comunidade escolar, no geral, aprova o uso da Plataforma, já que permite a continuidade dos estudos, com qualidade e interação entre estudante e educador. Além disso, é uma maneira de diversificar o formato de aprendizagem, trazendo, inclusive, novas oportunidades para o processo educacional salvatoriano, ao mesmo tempo que privilegia o cuidado com a vida por meio da saúde de todos